Como você calcula os descontos em uma venda à vista?

Não tem jeito, o cliente sempre pede “um descontinho” quando a venda é à vista. Mas como oferecer esse diferencial sem prejudicar os lucros da sua empresa?

O seu objetivo como vendedor é aumentar suas vendas e para isso o desconto deve ser um aliado muito importante.

Para não exagerar nos descontos oferecidos, você vai precisar saber, principalmente de quatro pontos:

  1. Quais são as despesas fixas da sua empresa?
  2. Quanto deve ser acrescido ao preço de venda do produto para cobrir seus gastos?
  3. Qual sua margem de lucro mínima?
  4. Qual sua margem de lucro ideal?

Não sabe calcular? Basta você seguir os 3 passos abaixo:

1º PASSO: CALCULE SUAS DESPESAS MENSAIS

O primeiro passo é descobrir sua média mensal de despesas fixas. O ideal é calcular a média dos últimos doze meses, ou seja, some o valor das despesas que sua empresa teve por um ano e divida pelo número de meses, ou seja, 12. Veja o exemplo, passo a passo:

Despesas fixas anuais: 120 mil reais

Divididas por 12 meses

Gasto mensal: 10 mil reais.

2º PASSO: SAIBA COMO COBRIR SUAS DESPESAS?

Despesa fixa mensal: 10 mil reais

Divididas por 80 mil reais (vendas mensais)

Multiplicado por 100

Valor a ser acrescido: 12,5%

3º PASSO: CALCULE SUA MARGEM DE LUCRO

O último passo é saber qual a margem de lucro que você precisa atingir e qual é a meta que você precisar alcançar com cada produto.

Para continuar o cálculo utilizando nosso exemplo, vamos fixar o valor ideal de margem de lucro como 20% e o valor mínimo como 10%.

Imagine que você comprou um veículo no valor de 30 mil reais. O preço final da venda (PV) deverá ser o custo do carro somado à porcentagem das despesas mensais, ao valor dos impostos (8,28%, se for optante pelo Simples Nacional) e à margem de lucro ideal ou mínima.

Vamos usar a nossa margem ideal (20%) para descobrir o valor ideal do carro do nosso exemplo. Olha só:

Custo do carro: 30 mil reais

Porcentagem de custo mensal: 12,5% do PV

Valor do Simples Nacional: 8,28% do PV

Margem de lucro ideal: 20% do PV

Agora, siga a equação abaixo:

100% PV = 30.000 + 8,28% PV + 12,5% PV + 20% PV

100% PV = 30.000 + 40,78% PV

100% PV – 40,78% PV = 30.000

59,22% PV = 30.000

PV = 30.000 x 100 / 59,22

PV = 50.658,5613

Se você seguiu os passos da equação, o valor de venda do carro com sua margem de lucro ideal seria de R$50.658,57. Se você quiser vender esse carro com desconto, portanto, pode reduzir seu preço de venda até atingir sua margem mínima de lucro, que fixamos, nesse caso, em 10%. Utilizando a mesma equação, porém substituindo o valor de 20% pelos 10% da margem de lucro mínima, você chega ao preço de venda mínimo de R$43.340,08.

Atenção! É possível oferecer um desconto ainda maior para um determinado cliente caso as vendas anteriores tenham sido fechadas com a margem de lucro ideal, ou seja, 20%. Para isso, mantenha uma planilha atualizada com os descontos praticados nas vendas anteriores.

Aprender a calcular o valor de descontos aumenta seu poder de negociação e proporciona mais credibilidade e segurança no seu atendimento.

Fonte: http://site.vericar.com.br/

2017-10-16T08:37:38+00:00 outubro 13th, 2017|Vendas, X.Business|0 Comentários

Deixar Um Comentário